Campo Grande,  Esportes,  Futebol,  Slide,  Sócios

Regulamento da Copa Sabadão de Futebol

FINALIDADE

Artigo nº 01

              A “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino” tem a finalidade de promover a prática desportiva, bem como integrar os sócios do Rádio Clube num ambiente de amizade e familiar entre os participantes.

Parágrafo único-Terá a finalidade de homenagear uma personalidade esportiva que através dos tempos, teve o mais alto espírito altruístico, através dos anos soube cativar amigos e é parceiro em todas as horas.

ORGANIZAÇÃO

Artigo nº 02

              A “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino” é uma promoção do Rádio Clube e realização do Departamento de Esportes coordenada pelo Diretor de Esportes, Diretor Adjunto de Futebol, Gerenciador de Esportes do Clube e pelo professor encarregado pela organização dos jogos, em conformidade com o disposto neste regulamento.

Artigo nº 03

À Comissão Organizadora compete:

A. cumprir e fazer cumprir o presente regulamento;

B. providenciar todos os materiais necessários para a realização “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”. Coordenar e dirigir as reuniões técnicas para aprovação do regulamento e o sorteio para a formação das equipes na fase final;

D. Nomear e instalar a comissão disciplinar.

Comissão Disciplinar:

  1. Antônio Ramão Marcondes Carvalho.
  2. Edgar Baetz Leão.
  3. Elias Antonio Santiago.
  4. Manoel Pires Filho – diretor de esportes.
  5. Maximilian Nonato.
  6. Francisco Assis Santiago.
  7. Edgar Nakasone
  8. Rui Antonio Lima
  9. Wilson Gallego

10. Luciano Niz

11. Jose Fernandes Pozatti.

              § 1º – Todos os casos submetidos à apreciação da Comissão Organizadora pertinente a fase classificatória deverão ser julgados antes da escolha das equipes para fase final.

               § 2º -. Para analise e julgamento dos recursos e súmulas serão necessários no mínimo 5 (cinco) membros presente da Comissão Disciplinar.

 

DAS TAXAS

 

Artigo nº 04

              O atleta deverá pagar taxa de inscrição (como contribuição) até a quarta rodada no valor de  R$ 30,00 (Trinta Reais), valor este que será revertida para cobrir despesas de custeio da copa,

              Parágrafo único – O atleta que fizer o pagamento da inscrição até a quarta rodada, receberá quatro pontos de bonificação.

 

Artigo nº 05

          O uniforme de jogo é de uso obrigatório e de responsabilidade de cada associado participante da “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”. Cada sócio deverá possuir o seu material de jogo: 02 (duas) Camisas de jogo devidamente personalizadas e padronizadas do Rádio Clube Cores do Clube, Azul e Branco com o seu nome gravado nas costas, shorts e Tênis de Futebol Society.

               § 1ª – O sócio que não possuir as referidas camisetas poderá adquiri-las na Loja Esportiva do Rádio Clube Cidade ou na Galeria dos Esportes. (sob encomenda).

              § 2ª – Os sócios que não tiverem as camisas de jogo e não quiser comprá-las, deverão alugá-las no bar do setor de Futebol do Rádio clube campo, devendo devolvê-la obrigatoriamente, após o término da partida, no bar do futebol.

             § 3º – Caso o locatário seja sócio dependente, este somente poderá locar a camisa de jogo com a autorização do sócio titular.

DAS  INSCRIÇÕES

 

Artigo nº 06

              Somente poderá participar da “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”, associados do Rádio Clube nascidos a partir do ano base (1999) ano em que completa 15 (quinze) anos de idade e pessoas convidadas pela diretoria do clube (goleiros). “E deverão apresentar a carteira de identidade quando solicitado”.

Parágrafo único – Será concedido direito de inscrever atletas durante as rodadas nas seguintes condições.

a)    Pais inscreverem os filhos.

b)    Filhos inscreverem os pais.

c)    Irmãos inscreverem irmãos.

d)    Esposas inscreverem maridos e filhos.

Artigo nº 07

              O Rádio clube poderá ou não fornecer uniforme (jogo de camisetas e shorts) para os atletas na fase final da competição. Se houver alguma empresa com o propósito de patrocinar os referidos uniformes, terá que ter a concordância antecipadamente da diretoria de futebol para este fim.

 

 

 

 

Artigo nº 08

              As listas serão formadas, a partir das 7.00 horas da manhã para as categorias livre e máster.A categoria super máster terá listagem pré definida com relação de todos os peladeiros com idades acima de 55 anos que servirá para sorteio antes do  início da rodada. As inscrições deverão ser feitas através de ligações telefônicas com o Profº. Doka, celular  9624-8965 – 9646-3330  – 9147-6707.

                 § 1º – Será permitida a permuta de atletas de uma listagem para outra devendo, sempre, ser respeitada a soberana ordem das inscrições. Esta regra será válida apenas para super máster.

                 § 2º – Para efeito de classificação, será feito o descarte de uma rodada (com pior resultado) para todos os atletas.

              § 3º – O atleta que comparecer (durante a realização dos jogos) apenas para marcar presença deverá comunicar ao Profº. Doka, anotando e assinando seu nome em folha própria, para que o ponto de presença seja homologado.

            § 4º – Caso a última partida da rodada não seja realizada por falta de atletas, todos os atletas relacionados em súmula, receberão ponto de presença.

 

Artigo nº 09

              A chamada para as partidas serão:

             14.45 horas – sorteio da categoria super máster com os atletas presentes no local de jogo.

             15.00 horas – primeiro e segundo jogos  com início dos jogos às 15.30 hs.

             16.00 horas – a chamada do 3º jogo e 4º jogos com início dos jogos após o término do primeiro e segundo jogo;

              17.00 horas a chamada do 5º jogo e 6º jogos;

              18.00 horas a chamada do 7º jogo e 8º jogos.

              O início dos jogos será na seqüência obedecendo ao término da partida anterior. Serão feitos jogos até que todos os atletas possam participar da rodada.

              Os atletas que não estiverem presentes serão cortados e substituídos pelos primeiros da ordem de chegada da listagem subseqüente e, assim sucessivamente, até encontrar-se um substituto que não poderá, em hipótese alguma, ser vetado pelos capitães das equipes. O mesmo procedimento será adotado nas partidas seguintes.

              § 1º – O atleta que for substituído nessa circunstância somente terá o seu nome inscrito na lista em formação subseqüente e mediante a sua presença.

              § 2º   – Os atletas da categoria super máster, deverão se apresentar ao coordenador da competição que possam entrar para o sorteio.

Artigo nº 10

              Fica determinado que a (primeira listagem, terceira listagem e quinta listagem) será formada somente com atletas da categoria super-máster (55 anos e/ou acima).

              § 1º – Quando faltar algum atleta para preencher a listagem, poderá ser preenchido com atleta da categoria máster (40 a 54 anos de idade) isto acontecerá somente no momento antecede a escolha dos atletas.

 

Artigo nº 11

              As partidas ímpares serão disputadas no campo nº 01 grama mato grosso (José Gilberto Abuhassan) e as pares no campo número 02 grama esmeralda (José Cangussú Filho).

 

Artigo nº 12

              A rodada poderá ser suspensa em virtude mau tempo, caso os campos não tenham condições de jogo. Acontecendo isto, todos os atletas relacionados nas listagens terão dois pontos de presença.

Parágrafo único > Quando acontecer da interrupção da rodada depois de realizadas algumas partidas em função do mau tempo ou por qualquer outro motivo, independentemente da vitória ou não, todos os atletas que compareceram na rodada receberão três pontos.

 

 

DAS PARTICIPAÇÕES DOS ATLETAS

 

Artigo nº 13

  1. Será feita a divisão de categorias da seguinte forma:

                    a) Categoria Livre – atletas que tenham idades de 15 a 39 anos (ano base 1975-1999).

                    b) Categoria Máster – atletas que tenham idades de 40 a 54 anos (ano base 1960-1974).

                    c) Categoria Super Máster – atletas que tenham idades de 55 anos (ano base 1959).

Artigo nº 14

              Após a escolha das equipes, nenhum atleta poderá ser substituído, seja qual for o motivo.

 

Artigo nº 15

              O atleta que se recusar a participar da equipe após a escolha, não poderá ser substituído, e não poderá também participar de outra equipe na mesma rodada. Ao mesmo não caberá nem o ponto de presença.

Artigo nº 16

              O atleta que abandonar uma partida no seu transcorrer e sem motivo ou justificativa, não marcará nem o ponto de presença e será julgado pela comissão disciplinar formada por 11 (onze) sócios Patrimoniais, sendo 8 (oito) titulares e 3(três) suplentes, podendo o mesmo pegar suspensão das próximas rodadas ou punições cabíveis pelo estatuto do clube.

                  Parágrafo único – Em caso de comprovada contusão de um atleta no transcorrer da partida, e este não puder continuar atuando, ao final da disputa marcará os pontos a que sua equipe fez jus.

Artigo nº 17

              O atleta que mudar de posição (linha/gol ou gol/linha) durante a “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”, somente terá a pontuação correspondente ao ponto de presença nas rodadas anteriores de que tenha participado.

Artigo nº 18

              O atleta que estiver disputando uma partida como colaborador e for penalizado com algum dos cartões previstos neste regulamento, estes serão mantidos.

              Parágrafo Único – O atleta que for punido com cartão vermelho não poderá participar de mais nenhuma partida no dia da rodada, independentemente das demais sanções decorrentes.

Artigo nº 19

              Os atletas que estiverem representando o clube em jogos amistosos dentro ou fora de Campo Grande, e por este motivo não puderem comparecer a qualquer uma das rodadas classificatórias, estes atletas terão direito a três pontos de presença que será acrescido a sua pontuação final, valendo para efeito de classificação.

 

DAS PARTICIPAÇÕES DOS GOLEIROS

 

Artigo nº 20

              Os goleiros terão preferência para jogar na posição desde que cheguem antes da escolha das equipes, não podendo substituir o colaborador no transcorrer da disputa, devendo relacionar o seu nome na lista que estiver em formação.

Parágrafo único – Ao goleiro convidado não será concedido direito de escolher a partida que queira jogar, tendo o mesmo que preencher as necessidades da coordenação para o bom andamento da rodada. Caso o atleta se negar de colaborar o coordenador poderá inclusive punir o atleta com afastamento o atleta naquela rodada especifica.

Artigo nº 21

              Caso não tenha goleiro para o início de uma partida as equipes poderão colocar jogadores de linha e a escolha será a critério dos capitães.

                 § 1º – Para que o goleiro entre após o início da partida, a equipe deverá obrigatoriamente começar com um atleta a menos (com 10 jogadores). Se a equipe começar com 11 atletas, não poderá fazer a transposição.

                 § 2º – O jogador de linha que entrar para jogar no gol, poderá voltar a jogar na linha de acordo com inciso anterior.

Artigo nº 22

              O goleiro que for colaborador em outras partidas, no gol, participará dentro das normas de pontuação dos atletas, e com relação às penalidades recebidas durante a partida (repescagem) deverá ser homologada pela coordenação da competição e chancela da Comissão Disciplinar.

              § 1º – O atleta que jogar na linha e no gol deverá fazer a escolha em que posição marcará ponto. Nenhum atleta poderá marcar pontos na linha e no gol na mesma partida, para efeito de classificação.

Artigo nº 23

              O goleiro poderá colaborar como jogador de linha, desde que esteja faltando atleta para completar a última partida da rodada, estando, no entanto, sujeito às penalidades previstas neste regulamento.

DAS DISPUTAS

 

Artigo nº 24

              A “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino” será regido pelas regras Oficiais do Futebol, Código Brasileiro de Justiça do Futebol, salvo determinações contidas neste regulamento.

              Os árbitros seguirão as regras de futebol aprovadas pela FIFA com as seguintes alterações:

A. O lateral poderá ser cobrado com as mãos ou com os pés.

B. Não haverá impedimento.

C. Será acrescido o cartão azul que corresponderá a um afastamento do atleta por 05 (cinco) minutos da partida.

 

Artigo nº 25

              Os árbitros trabalharão com 03 (três) cartões para efeito de punição:

  1. Cartão Amarelo: Advertência.
  2. Cartão Azul: Suspensão do atleta por 05 (cinco) minutos.
  3. Cartão Vermelho: Expulsão.

Parágrafo único – não existe seqüência de cartões. A seqüência dos mesmos ficará a critério do arbitro.

 

Artigo nº 26

              A “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino” será realizada em 9 (nove) rodadas, sendo 8 (oito) fase classificatória e uma final,  no período de 14 de junho a 16 de agosto de 2014.Com uma rodada de descarte para o  pior resultado do atleta na fase classificatória).

FASES

PERÍODO

Fase classificatória

junho

14 – 21

julho

05 – 12 – 19 – 26

agosto

02 – 09

Escolha das equipes

agosto

12 – terça feira-18.30 horas – Dep Esportes

Final

agosto

16 – domingo

 

Artigo nº 27

              A duração das partidas será de 70 (setenta) minutos, divididos em 02 (dois) tempos de 35 (trinta e cinco) minutos com 05 (cinco) minutos de intervalo.

Artigo nº 28

              Somente será permitido o uso de tênis tipo suíço para a disputa da “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”, o atleta que for identificado usando chuteiras será retirado de campo para proceder à troca da mesma e, em seguida, advertido com cartão amarelo ou, caso já tenha sido advertido desta forma, com o cartão azul. Se o atleta já tiver recebido cartão azul, receberá o vermelho.

Artigo nº 29

              Para os jogos da fase classificatória os pontos serão computados individualmente, inclusive os pontos do goleiro, da seguinte forma:

RESULTADO OBTIDO

PONTOS CONQUISTADOS

Vitória

4,0 (quatro) pontos

Empate

3,0 (três) pontos

Derrota

2,0 (dois) pontos

Presença

01  (um) ponto

Repescagem

Vitória 3 pontos

Artigo nº 30

              As equipes serão divididas por 02 (dois) capitães que sejam do mesmo nível técnicos (ou seja, que tenham estilo de jogo semelhante), previamente selecionados através das inscrições, para participações das escolhas e direção das equipes durante o jogo.

              § 1º – Caso ultrapasse o número de capitães para a escolha de 02 (duas) equipes, haverá um sorteio para definir os dois capitães, e este sorteio deverá ser realizado por duplas de capitães de mesmo nível técnico.

           § 2º – O capitão de cada equipe deverá assinar a súmula da partida obrigatoriamente fazendo as observações necessárias, quando pertinentes.

           § 3º – O capitão terá um prazo Maximo de 30 minutos após o término da partida para assinar a súmula.

        § 4º – Para a escolha das equipes que disputarão a fase final serão selecionados os seis capitães que mais escolheram durante a fase classificatória. Caso haja empate com o mesmo número de escolha haverá sorteio para decidir qual capitão participará das escolhas das equipes.

      § 5 – A 8ª rodada, não entrará na somatória dos capitães.

      § 6º – Para a escolha na última rodada da fase classificatória, deverá ser feita por:

      a) capitães que precisam de pontos para classificar.

      b) ou capitães que não estão classificados ainda para fase final.

      c) ou atletas que não sejam capitães naturais.

     § 7º – Na última rodada, será fixada no mural de avisos a relação dos atletas já classificados, para que todos tenham total conhecimento da situação.

     § 8º – O capitão que escolher outra categoria para jogar perderá o direito de escolha, ficando somente os capitães da categoria de origem com direito de escolha.

Artigo nº 31

 

              Uma partida somente poderá ser disputada quando tiver no mínimo 06 (seis) jogadores de linha em cada time, podendo ser completada com atletas de linha que já tenham jogado partidas anteriores da mesma rodada, e no máximo cinco (05) colaboradores de cada lado (equipe) caso não aconteça à partida por falta de número suficiente de jogadores, os atletas relacionados na súmula marcarão dois pontos de presença.

              § 1º – Sempre que uma equipe, atuando com apenas 07 (sete) atletas, tiver um atleta contundido, o árbitro poderá conceder um prazo de 05 (cinco) minutos para o seu tratamento para verificar a viabilidade de sua recuperação.

              § 2º – No decorrer de uma partida, se uma das equipes por qualquer motivo ficar com menos de 07 (sete) atletas, a mesma será declarada perdedora independentemente do resultado e os gols ocorridos durante a partida serão computados, unicamente, para efeito de artilheiro e goleiro menos vazado.

              § 3º – O atleta que participar como colaborador, somente ganhará 01 (um) ponto extra se vencer a partida, e se ele na partida anterior tenha obtido no máximo 2 pontos.

              §4º – Quando ficar caracterizado que o atleta estiver fazendo cera na contusão, de acordo com a interpretação do arbitro, o atleta depois de atendido, deverá cumprir punição de 2 (dois) minutos fora do campo.

              §5º – O colaborador da última partida da rodada, para efeito de artilharia, não será marcado gols, valerá apenas a primeira partida do mesmo.

              §6º – Os capitães de cada jogo deverão no término da partida assinar a súmula obrigatoriamente num prazo máximo de 30 minutos. Caso não assinem ou faça qualquer observação, os mesmos declaram aceitar o que estiver escrito na súmula pela arbitragem e coordenação.

PENALIDADES E PUNIÇÕES

 

Artigo nº 32

              O atleta que se sentir prejudicado por qualquer situação que esteja ou não no regulamento, terá o prazo até 12 horas antes do dia das escolhas das equipes que disputarão a final da “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”, para apresentar o devido recurso.

Artigo nº 33

              Todo o atleta que por algum motivo tumultuar a disputa das partidas ou desrespeitar acintosamente aos árbitros, membros das comissões, diretores, funcionários ou associados, estará passível de penalidades a serem aplicadas pela Comissão Disciplinar que serão cumpridas somente na “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”. A Comissão Disciplinar analisará o relatório do arbitro constante na súmula da partida e também o relatório da Comissão Organizadora tendo que antes do julgamento, ouvir o (os) envolvido (s) no relatório. A Comissão Disciplinar julgará os processos, baseado no Código Brasileiro do Futebol e Estatuto do Clube.

 

Artigo nº 34

              Quando um atleta for expulso pela primeira vez na “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”, não marcará nem o ponto de presença; quando for expulso pela segunda vez não marcará nem ponto de presença e será automaticamente suspenso da próxima rodada.

              § 1º – Os cartões recebidos na fase classificatória serão zerados para a final.

Artigo nº 35

              Ao atleta expulso ou suspenso de uma partida e que se recusar a abandonar o campo será dado uma tolerância de 05 (cinco) minutos para que o mesmo se retire. Caso não aconteça dentro desse prazo, toda a equipe a que pertence o atleta será declarada perdedora do jogo e nenhum de seus integrantes marcará ponto. Todavia, todos os cartões e gols ocorridos na partida serão mantidos para efeito de classificação, artilharia e goleiro menos vazado.

              Parágrafo único – o atleta que provocar tal problema será julgado pelo ato de indisciplina pela Comissão Disciplinar, podendo inclusive receber sanções punitivas dentro do Departamento de Futebol. Se o caso necessitar será levado à diretoria do clube onde baseado no estatuto do clube punirá ou não o atleta infrator.

Artigo nº 36

              Em caso de infração disciplinar mais grave tais como brigas com agressões físicas contra o adversário, agressões ao Árbitro, Coordenador dos Jogos ou Diretores: a Comissão Disciplinar da Competição analisará e julgará os atos dos envolvidos utilizando o Código de Justiça de Futebol como parâmetro da punição na “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”, Além da punição aos envolvidos o relatório do árbitro ou da Comissão Organizadora será enviado à Diretoria do Clube para que sejam tomadas as providencias cabíveis conforme Estatuto do clube.

DOS FINALISTAS

 

Artigo nº 37

 

             Ao final da fase classificatória serão relacionados os 22(Vinte e dois) jogadores de linha com maior número de pontos ganhos da categoria livre, os 22 (Vinte e dois) jogadores de linha com maior número de pontos ganhos da categoria master e os 22 (Vinte e dois) jogadores de linha com maior número de pontos ganhos da categoria super-master.

              § 1º – O atleta que não tiver 55 anos (ano base 1959) no ano da realização da copa, não poderá jogar pela categoria supermáster.

              § 2º – O atleta que tiver idade acima de 55 anos (ano base 1959) poderá optar para jogar na categoria máster (até a segunda rodada), entretanto terá que obter a pontuação da categoria máster para ter direito ao jogo.

              § 3º – O atleta que tiver idade acima de 40 anos (ano base 1974) poderá optar para jogar na categoria livre (até a segunda rodada), entretanto terá que obter a pontuação da categoria livre para ter direito ao jogo.

              § 4º – O sorteio para definir a composição das equipes que irão participar da fase final da “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino” (Será realizada às 18h30 min. do dia 12 de agosto de 2014, no Departamento Esportes do Rádio Cidade.

             § 5º – Será concedido o direito de escolha aos atletas que fizerem sua opção até a segunda rodada da copa junto aos coordenadores do evento. Passado este prazo, o atleta só poderá participar em sua categoria na fase final da competição.

              §6º – Quando da mudança de uma categoria para outra, na fase final da competição, o atleta terá todos os direitos dos atletas relacionados na categoria atual

 

Artigo nº 38

          As vagas de goleiros para fase final da competição, serão repartidas com o mínimo de 50% de sócios que atuem no mínimo 3 rodadas e que obtenha pontuação necessária para a classificação.

              Os 06 (seis) goleiros classificados com melhor pontuação, para a formação das 06  (seis) equipes que disputarão a final da “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”.

              Parágrafo único – Será chamado um goleiro reserva em caso de falta ou contusão de algum goleiro classificado para final e o mesmo deverá ser do mesmo nível técnico do goleiro faltoso.

 

 

 

Artigo nº 39

               Depois de verificados os goleiros classificados, a definição dos goleiros por categoria ficará a cargo da Comissão Organizadora e a definição dos goleiros ficará a cargo dos capitães através de acordo ou sorteio.

 

Artigo nº 40

              Na final as equipes jogarão da seguinte forma:

              § 1º – Nas categorias livre, máster, super-máster, serão disputadas melhor de uma única partida.

              § 2º – Havendo empate no final das partidas, nas categorias livre, máster, super-máster será realizada uma série de três penalidades alternadas: se houver necessidade penalidades alternadas até que se conheça um vencedor.

 

Artigo nº 41

              Estará automaticamente classificado para participarem da final da competição, o Homenageado do evento, a autoridade máxima do clube (presidente) e colaboradores.

              § 1º – Quando da divisão dos colaboradores nas categorias – livre – máster – super máster, só poderão participar da final dois por categoria, se ficar com número impar de atletas convocados, será feita a chamada do próximo classificado da listagem para ficar número par para escolha.

 

Artigo nº 42

              No jogo final, será facultada ao atleta que ficar na reserva o direito de participar de pelo menos um tempo de partida. Quando do término do primeiro tempo de jogo, o capitão deverá ser informado pelo coordenador e o reinício do jogo no segundo tempo só se dará com a entrada do atleta reserva em campo.

              Nesta fase as substituições ficarão a critério dos capitães das equipes, sem qualquer restrição do atleta substituído.

Parágrafo único: se o atleta estiver com uniforme de jogo, será obrigatória a utilização dele na partida, entretanto se o atleta não quiser participar da partida por qualquer motivo, o mesmo não deverá estar uniformizado.

 

Artigo nº 43

              Em caso de empate entre 02 (dois) ou mais atletas na pontuação final da fase classificatória será observado, pela ordem, os seguintes critérios de desempate:

a) Número de cartões

 Vermelho: 10 pontos

 Azul:         05 pontos

b) Idade – o jogador com maior idade será classificado.

Obs – na somatória negativa de pontos dos cartões, o atleta que obtiver menor saldo é que será classificado.

 

Artigo nº 44

              No dia 17 de agosto de 2014 (domingo), dia este em que serão realizados os jogos finais, os atletas deverão respeitar rigorosamente a programação feita pela Comissão Organizadora, que é:

–          07h30 – Disputa da final da categoria supermáster.

–          08h30 – Disputa da final da categoria máster.

–          09h30 – Cerimônia Canto Hino Nacional e Hasteamento das Bandeiras

–          10h00 – Disputa da final da categoria livre

–          11h30 – Cerimônia de Premiação das equipes vencedoras

–          12h30 – confraternização dos atletas.

 

PREMIAÇÃO

Artigo nº 45

              As equipes e atletas classificados em 1º, 2º lugares das categorias livre, máster e supermáster receberão premiações alusivas as conquistas.

 

 

Artigo nº 46

              Os artilheiros, goleiros das equipes vencedoras e atletas com maior pontuação na fase classificatória das categorias livre, máster e super máster, receberão premiações.

              Parágrafo Único-Em caso de empate nos artilheiros e atleta com maior pontuação será adotado o critério de idade, o atleta mais velho receberá a premiação.

Artigo nº 47

              Outras premiações poderão ser acrescentadas e divulgadas no decorrer da “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”.

 

DISPOSIÇÕES FINAIS

Artigo nº 48

              O Rádio Clube e a Comissão de futebol não se responsabilizarão por acidentes que venham a ocorrer antes, durante ou depois a realização das partidas referentes à “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino”.

 

Artigo nº 49

              Todo participante da “14ª Copa Sabadão de Futebol de Campo do Rádio Clube – Ano 2014 – Homenagem – Nilson Fernando Nunes Lino” serão considerados pelas comissões como conhecedores das regras do futebol, das leis desportivas e deste regulamento.

 

Artigo nº 50

              O sócio que estiver inadimplente com a taxa de mensalidades no dia da escolha das equipes finalistas ficará impedido de participar da final.

Artigo nº 51

 

              Os casos omissos não contidos neste regulamento serão analisados e resolvidos pela Comissão Organizadora.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *